###  Legião da Infantaria  ###
                     
                   
                      
Legião da Infantaria/Brasília - Legião Gen Silva Néto
 
...principal/Eventos e Notícias  

Eventos e Notícias 2013

COMEMORAÇÃO DOS 100 ANOS DO NASCIMENTO DE FREI ORLANDO

PATRONO DO SERVIÇO ASSISTÊNCIA RELIGIOSA DO EXÉRCITO - SAREx

UM HERÓI NACIONAL DA 2ª GUERRA MUNDIAL

      Apesar de não ter chegado a MONTESE, queremos dedicar algumas linhas desta seção ao "único pracinha que ficava alegre na guerra".
       Ordenou-se na Ordem Franciscana, em 1937, em Divinópolis - MG, tendo sido transferido para SJDRei, a fim de desempenhar a função de Diretor Espiritual do Colégio Santo Antônio e da Ordem Terceira de São Francisco. Em Mai 44, aceitando um convite do, então, Cmt 11º RI, Cel DELMIRO, foi incluído no efetivo do Btl, no posto de 1º Ten, por Dec Pres. Na guerra ele sempre era visto pelos acantonamentos com duas "armas": uma gaita e um cachimbo.
        Tinha o costume de percorrer os alojamentos tocando gaita e exclamando: - A cobra vai fumar! A cobra vai fumar! Sua missão era a de consolar e alegrar os convocados, particularmente os doentes e, segundo os relatos da época, foi sempre muito bem cumprida, desde a preparação para a guerra até a sua morte.

       Na Itália, foi prestar seus serviços no 2º Btl/11º RI e nas Cia Regimentais.
       Fato marcante de sua participação na guerra é que ele ia a qualquer lugar onde se encontrasse alguém necessitado pedindo por sua presença, além de suas visitas rotineiras a hospitais, cemitérios e até mesmo no campo de batalha. Em 20 Fev 45, na estrada de Bombiana quando tentava mais uma vez chegar aos feridos da linha frente um tiro acidental o feriu no peito e enquanto o motorista saiu para buscar socorro o militar sentava tentando rezar terço. Cinco minutos tarde... morreu. O nome dele? ANTÔNIO ALVARES SILVA. Como era conhecido? Cap FREI ORLANDO - Capelão Militar. Como se imortalizou? Pelo Dec. 20.680, 28 Fev 46 que conferiu a esse militar ÍMPAR o título de PATRONO DO SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA RELIGIOSA DO EXÉRCITO BRASILEIRO - SAREx.

        No dia 27 Fev, o Arcebispo Militar do Brasil, Dom Osvino José Both, celebrou uma missa campal, nas instalações do 11º Batalhão de Infantaria de Montanha (11º B I Mth), em homenagem ao centenário de Frei Orlando, patrono do Serviço de Assistência Religiosa do Exército.
         Este ano comemoram-se 100 anos do nascimento do capelão militar, que morreu durante a 2ª Guerra Mundial, prestando assistência religiosa aos combatentes brasileiros que lutavam ao lado dos Aliados.
        Durante o evento, Dom Osvino reativou a Capelania Militar Nossa Senhora de Fátima no interior do 11° BI Mth, nomeada Capelania Histórica "Frei Orlando".
        As comemorações ficaram a cargo do Comando Militar do Leste, que promoveu uma série de atividades no mês de fevereiro, incluindo seminário, missa e palestra sobre a obra de Frei Orlando.
        A cerimônia contou com a presença do Comandante da 4ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Otavio Santana do Rêgo Barros, de autoridades civis e militares e de convidados.

       No dia 5 de março, coa presença do Gen Enzo, Cmt Ex, foi realizada, no 1º Regimento de Cavalaria de Guardas, formatura alusiva ao centenário de nascimento do Capelão Antônio Álvares da Silva, Frei Orlando.
       Durante a cerimônia, personalidades civis e militares foram agraciadas com diploma em comemoração ao centenário do patrono do SAREx e o Comandante do Exército colocou uma corbelha de flores junto ao busto do Frei Orlando – o soldado da fé.
         Sob a coordenação do Comando Militar do Planalto, foi montada uma exposição com objetos pessoais do Capelão, que traduzem uma parte de sua história.
        Estiveram presentes, também, à cerimônia os integrantes do Alto-Comando do Exército, o Comandante Militar do Planalto, Gen Div Gerson Menandro Garcia de Freitas, o Arcebispo Militar do Brasil, Dom Osvino José Both, convidados civis e militares e a tropa do 1º RCGd.

      Os integrantes da Legião da Infantaria/Brasília, nesta data, nesta semana e neste ano homenageia esse militar de Escol, que faleceu em uma Unidade de Infantaria da FEB, Herói da 2ª Guerra Mundial, desejando que a sua bravura e sua dedicação sirva de exemplo a todos os Infantes e demais militares das Forças Armadas brasileiras.


LEGIÃO DA INFANTARIA / BRASÍLIA - LEGIÃO GEN SILVA NÉTO

CopyRigth © 2003/2017 - Todos os direitos reservados